Mini moradias ecológicas

Por que complicar as coisas, se nossa vida pode ser simplificada?

A empresa Canadense Sustain Design Studio é especializada em fazer mini casas sustentáveis, que podem ser até carregadas para outros lugares ou receber mais cômodos caso a família cresça. São módulos de moradia, alguns feitos com conteiners. Os módulos são sustentáveis pois possuem brises, paredes isolantes e telhado verde para conforto térmico, possuem sistema de tratamento de esgoto, espaço para pequena horta e compostagem e uso de materiais atóxicos nos acabamentos:

 

Tudo o que você precisa para uma casa está neste modelo de casa conteiner da Port-a-Bach:

Conheça também a pequena Eco Shed:

De Ric Frankland, a mini eco casa chamada Dwelle:

 

 

 

Anúncios

Reforma sustentável: como este edifício industrial antigo virou residencial

Localzado em San Diego, California, este edifício foi construído em 1921 e tem 5800 metros quadrados. Em 1996, o arquiteto Kevin de Freitas projetou uma reforma sustentável, adaptando a estrutura existente para a construção de 3 lofts.

O edifício antes:

O edifício depois:

Para esta reforma sustentável alguns princípios foram utilizados:

  • Aproveitamento máximo da estrutura existente;
  • Reaproveitamento de esquadrias da própria obra ou de outras demolições;
  • Planta baixa livre para minimizar novas construções e facilitar mudanças de layout;
  • Uso de materiais de baixo impacto;
  • Telhado eficiente, durável e com aproveitamento de água de chuva.
Veja algumas imagens internas dos lofts:

Estilos de Eco Casas

Não esquecendo que este blogue também trata de arquitetura sustentável, aí vão algumas eco casas que achei no site da INHABITAT. Saiba que para ter uma arquitetura mais sustentável, não é preciso aderir ao estilo rústico, como muitos pensam, nem abrir mão da tecnologia. Seja qual for seu estilo, sua casa pode e deve ser mais sustentável, veja:

Seu estilo é minimalista? Veja esta eco casa de Amsterdam:

ou esta, de David Easton:

Seu estilo é mais orgânico? Esta casa fica na Suécia:

Seu estilo é contemporâneo, mas aconchegante? Veja esta casa de Bambu:


Seu estilo é mais tradicional? Esta bela casa é feita de terra crua, pelo arquiteto David Easton:

Prefere uma casa ecológica integrada com a natureza? um belo telhado verde faz esta função:

Arquitetura sustentável na França

Fazendo uma pesquisa na internet, encontro este escritório na França que possui muitos projetos de arquitetura sustentável.
É o Olgga Architectes, e sua arquitetura é contemporânea e não tem nada de monótona, cada projeto tem sua peculiaridade. Podemos ver projetos de ecocondomínios com telhados verdes:

Este projeto de casa compacta utilizando containers e madeira certificada é muito interessante:

Outro projeto de casa interessante pelo uso de brises de madeira retráteis e pela estrutura aérea que não interfere no perfil natural do terreno:

O uso de brises na arquitetura contemporânea francesa é bastante comum, com este exemplo projetado pelo escritório:

Brises – filtrando a luz solar

Brises Soleils são elementos arquitetônicos que servem para “quebrar” o sol, ou filtrar a luz solar, impedindo ganhos de calor no edifício, mas mantendo os visuais pelas aberturas.

Os brises podem, além de ajudar na proteção solar, ajudar na criação de fachadas muito interessantes. Por isso, selecionamos, neste post, diversos modelos de brises e seus inúmeros efeitos e visuais.

Brises da casa Sunset Cabin dos arquitetos do Taylor Smyths Architects:

De forma a manter o belo visual do pôr do sol no lago Ontario no Canadá, a casa possui brises do tipo ripa em madeira, que filtra a luz intensa do sol da tarde. A fachada ficou mais interessante com as ripas.

Brises na fachada do edifício da Loducca, dos arquitetos do escritório Tryptyque:

A forma é inspirada no edifício Cogan de Niemeyer, a arquitetura brasileira daquela década fazia muito uso desses elementos.

Dos mesmos arquitetos, a premiada casa Harmonia 57, que possui várias soluções de bioclimática, inclusive os brises móveis da frente:

Brises na casa Umbrella, dos arquitetos Pugh + Scarpa

Os brises desta casa são feitos de diversos elementos, inclusive as placas dos painéis fotovoltaicos tem essa função.

Brises verdes:

Outra opção é dada pela Ecotelhado, que fornece brises feitos com vegetação que, além de proteger do sol melhora a qualidade do ar urbano e reduz o efeito do microclima.

Casa Modelo de Sustentabilidade

Com intuito de servir de modelo para quem quer construir de forma mais sustentável, a Casa modelo foi criada pelo escritório Ecodhome e já possui 1 ano de existência. A Casa modelo chamada de Ecohabitat serve como uma exposição de tecnologias sustentáveis, saúdáveis e viáveis. Foi construída em Florianópolis e faz uso de diversas soluções de sustentabilidade:

– PROJETO BIOCLIMÁTICO: desenvolvido a partir de simulações computacionais para prever a iluminação e ventilação naturais, além de garantir o conforto térmico da casa sem uso de sistemas artificiais.
– TERRAÇO VERDE: para aumentar a cobertura verde minimizando o efeito das ilhas de calor;
– OCUPAÇÃO SUSTENTÁVEL: a casa é compacta e ocupa uma porção pequena do terreno, o restante é tratado com paisagismo ecológico e revesitimentos permeáveis para absorver as aguas pluviais, evitando enchentes e criando maior integração com o ecossistema local;
– MATERIAIS DE BAIXO IMPACTO: todos os materiais da obra foram selecionados rigorosamente e devem obedecer a alguns critérios de sustentabilidade: baixa emissão de poluentes, princípios de reciclagem, materiais regionais, madeiras certificadas, tintas de baixa emissão, entre outros;
– SISTEMA DE ÁGUA E ESGOTO ECOLÓGICOS: a casa faz proveito de água de chuva e limpa e reaproveita águas cinza (águas das lavações). As águas cinza passam por uma tratamento natural por filtro plantado e é reaproveitada nos vasos sanitários;
– ILUMINAÇÃO EFICIENTE: a iluminação diurna é sempre garantida por iluminação natural e a noturna é feita por lâmpas eficientes como fluorescentes e leds.

Este projeto e todas as suas soluções de saneamento e materiais está sendo disponibilizado para comercialização na loja virtual da Ecodhome, entre em contato!

eco casa
Ficha técnica:

Local: Florianópolis – SC

Ano do projeto: 2008

Soluções de sustentabilidade: projeto bioclimático fazendo uso de direconamentos propícios de Feng Shui, utilização de materiais de baixo impacto como tijolo de solo-cimento, telhado verde, reuso de água de chuva e de águas cinza, e aquecimento solar de água.

Projeto arquitetônico: Arq. Carine Nath

Veja o programa Missao casa mostrando a Casa Modelo:

Eco-casas pré fabricadas: será que chegamos lá?

Apesar de muitos arquitetos sustentáveis defenderem o conceito de low-tech, há um crescente aumento de empresas que têm desenvolvido eco-casas pré-fabricadas nos EUA e da Europa.

É uma nova forma de pensar a sustentabilidade na casa, que não deixa de ser interessante e eficiente, apesar da padronização. Embora padronização e sustentabilidade não sejam palavras que combinem e que dificilmente serão utilizadas na mesma frase, já que só é sustentável o que é pensado e desenvolvido localmente, muitas soluções das casas pré-fabricadas podem ser válidas, tais como:
– Sistema de água e esgoto pronto, o que inclui aproveitamento de água de chuva, tratamento local, compostagem;
– Execução facilitada, desmonte facilitado, possibilidade de reaproveitamento das peças, tudo isso conta a favor da sustentabilidade;
– Iluminação artificial eficiente, captação de energia fotovoltaica;
– Aquecimento solar da água;

Vejam estes modelos:

Projeto da Blue Sky Homes

Esta se chama Ma Modula, do escritório KRBD.

Versão brasileira: eco-casa em um conteiner reaproveitado – da FERRARO Container Habitat

Esta última é uma net-zero home, capaz de gerar toda a energia que consome!